Seguidores

domingo, 11 de março de 2012

AS PROMOÇÕES E A MORDAÇA: OPINIÃO, POR WANDERLEY SOARES NO JORNAL O SUL.

Porto Alegre, Quinta-feira, 08 de Março de 2012.
     Tacitamente está decretado que os oficiais da Brigada Militar, em primeiro plano, mais do que nunca, devem reverenciar os ocupantes do Piratini. Nenhuma surpresa houve na aprovação pela Assembleia Legislativa da mudança de critério para a promoção no quadro de oficiais superiores da Brigada Militar que, daqui para frente, mais do que nunca, passará a ter, como peso maior, a bandeira do partido ou da coligação que estiver no Piratini. 
      A decisão contrariou a oficialidade brigadiana, com exceção, é claro, dos amigos do rei. Anteriormente à aprovação deste diploma, há casos como o de um tenente que passou a exercer função burocrática fora da Brigada e alcançou o posto de tenente-coronel sem nunca ter voltado para a corporação. Com a política da transversalidade esse tipo de carreira ficará facilitado. 
     De outra banda, a família brigadiana teve mais uma lição de que ela ainda está no aprendizado das alquimias políticas, pois o Executivo e o Legislativo não têm nenhum temor do potencial de votos que possam vir a perder ao impor uma lei sem qualquer debate com as partes diretamente interessadas. Essa nova lei das promoções ao mesmo tempo em que facilitará a vida dos amigos do rei colocará uma mordaça nos demais oficiais, a menos que não almejem galgar os principais postos da carreira.  

...............

Assista o Vídeo Institucional da Brigada Militar

Acompanhe nas mídias sociais

BM de Sapucaia do Sul auxilia Exército na instrução de preparação para a missão da paz da ONU