Seguidores

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

2ª COLUNA DO JORNAL LíDER DO VALE DE 2011

COMUNIDADE ALERTA
ESTÁ NA HORA DE REAGIR
Tenho acompanhado atentamente toda esta discussão sobre as “gordas” pensões para ex-governadores (ou viúvas destes) e me somo aqueles que parabenizaram a OAB pela iniciativa de buscar na justiça a extinção desta iniqüidade.
A esta questão somam-se outras, como notícias de gastos excessivos dos deputados gaúchos, frise-se diárias; políticos acumulando remunerações indecentes (acho que é o melhor termo se compararmos com o que ganha à maioria dos brasileiros); Deputados Federais e Senadores reajustando seus salários com o aviltante índice de 62 %, com esmagador escore favorável ( 279 favoráveis e 35 contra); parlamentares que não vão trabalhar (embora alguns não façam nenhuma diferença estarem ou não no Congresso, o que por si só já é uma vergonha) e; por fim, a mais nova polêmica que é o aumento do número de vereadores nas casas legislativas municipais.
Sabemos quão nocivas a sociedade são as práticas acima, mas elas reiteradamente se repetem e políticos e agentes públicos  desonestos se apropriam do dinheiro público sem a menor cerimônia e, quando instados a darem explicações o fazem com a maior cara-de-pau apresentando justificativas que faria um jumento pensar que estariam confundindo ele com um burro.
Posso estar muito enganado, mas esta questão do aumento do número de vereadores, assim como do reajuste dos salários de parlamentares, poderá passar a margem do que pensa a sociedade. No caso especifico de Sapucaia do Sul, que pode ter um incremento de 11 para 19 Vereadores, a questão tem que ser muito bem discutida. As pessoas têm que saber qual o impacto com gastos públicos que ocorreriam com o acréscimo, quais os benefícios que a Cidade teria, se efetivamente os teria, e, então, os cidadãos munidos de todas as informações possíveis, após amplo debate, chancelariam ou não a alteração.
Mas o quero dizer realmente é que temos que reagir a estes desmandos todos. Acompanhamos muito passivamente toda esta maracutaia que acontece todos os dias em nossas cidades, estado e País. Eu sou partidário de reclamarmos, mas reclamarmos de verdade, de forma democrática, ordeira e civilizada como prevê a Constituição, mas, imperativamente, temos que reclamar, com muito eco e retumbância.

Ronie de Oliveira Coimbra
Major – Cmt do 33º BPM de Sapucaia do Sul
Twitter: @roniecoimbra
Facebook: roniecoimbra

Assista o Vídeo Institucional da Brigada Militar

Acompanhe nas mídias sociais

BM de Sapucaia do Sul auxilia Exército na instrução de preparação para a missão da paz da ONU